Área Restrita

Coordenadora de Enfermagem agradece alunos egressos pelo desempenho no Enade 2016

29/11/2017
Notícias
Graduação

Segundo o Índice Geral de Cursos (IGC), divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) na última segunda-feira (27), a Faculdade Meta (Fameta) é a melhor instituição de ensino superior do Acre e está entre as dez melhores do Norte, das 136 avaliadas. Dentre os bons resultados obtidos pela instituição, o curso de Enfermagem é o melhor do estado e está entre os três melhores do Norte.

 

Esse resultado é baseado em três importantes indicadores de qualidade: o Conceito Enade, que avalia o desempenho dos alunos, o Conceito Preliminar de Curso, que avalia a qualidade dos cursos, e o Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição, que avalia a qualidade das faculdades. Pensando nisso, coordenadora do curso de Enfermagem, Isabelly Rosetto, escreveu uma mensagem de agradecimento a turma que realizou a prova do Enade em 2016.

 

Leia a mensagem na integra:

 

"Mensagem aos Egressos da II Turma de Enfermagem da Faculdade Meta:

Hoje bacharéis em Enfermagem, são vencedores! Recordo que em meu discurso durante a cerimônia de colação de grau, falei por várias vezes, que estavam não somente concluindo um curso superior, mas estavam fazendo parte da construção da história do curso de Enfermagem da Faculdade Meta. Chegamos finalmente ao tão desejado e esperado momento. Não foi fácil! Mas recordo muito claramente o dia tão esperado e temido, o Exame Nacional do Desempenho dos Estudantes (ENADE). Queremos compartilhar tamanha alegria ao receber nossos resultados, e reafirmar que chegamos aqui pois você bacharel em enfermagem da II Turma, acreditou e sonhou a cada dia o seu sonho.

 

Tudo isto faz com que além de vencedores, somos acima de tudo uma das esperanças para a sociedade lá fora. Uma esperança para começar uma nova era. Era de reinvenção, readequação a tudo o que degrada ou o que venha a degradar, não só o nosso meio ambiente, mais a vida do ser humano em geral... E como resposta para esta sociedade que pede, ação imediata. “Dizemos que Sim! Sim! Nós temos potencial para sermos os profissionais desta nova era”.

 

Agradecimentos a II Turma de Enfermagem da Faculdade Meta, aos Mantenedores, ao corpo docente pela dedicação no processo de ensino e aprendizagem, aos discentes do curso em acreditar em seus sonhos, a toda equipe de colaboradores da Faculdade Meta e ao Grupo Athenas Educacional”.

Galeria

Veja Também

03/05/2016
Graduação

Acadêmicos do 9º período de Fisioterapia realizaram atendimentos no HUERB

Acadêmicos do 9º período do curso de Fisioterapia da Faculdade Meta (FAMETA) prestaram uma série de atendimentos fisioterapêuticos no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (HUERB), sob a supervisão das docentes Michelle de Paiva Frauzino e Quiria Ribeiro da Silva. Os atendimentos são parte da formação acadêmica do aluno. O Estágio Supervisionado em Fisioterapia Hospitalar acontece desde 2015, em parceria com o HUERB, sendo realizados, a partir dessa data, mais de 350 atendimentos no setor de enfermaria.

07/05/2015
Institucional

Tecnologias estão mais presentes nas salas de aula na América Latina

No lugar do lápis e do caderno, os tablets e os smartphones aparecem cada vez mais nas salas de aula de diferentes países da América Latina. Pesquisadores apontam que este fenômeno estaria em seu impulso definitivo e que até poderia ser chamada de uma revolução tecnológica. Porém, tamanho aumento tem demonstrado carências e deficiências que a região ainda enfrenta. Entre os mais variados lugares, há iniciativas promissoras e inovadoras, mas o impacto das tecnologias no processo de aprendizagem ainda é um desafio sem resultado concreto.

08/04/2015
Institucional

Braille proporciona aos deficientes visuais autonomia e autoestima

O ensino em Braille no DF é oferecido pelo Instituto Federal de Brasília (IFB), que possui em todos os seus campi os Núcleos de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (Napne). A professora de Braille há 18 anos, servidora do IFB, Girlane Ferreira Florindo, afirmou, “o aluno cego, com o sistema Braille, consegue a inclusão e aprende de tudo, nossa ideia é ajudar os deficientes visuais e surdos a entrar no mercado de trabalho”.

Comentários

CAPTCHA Image
Recarregar Imagem