Área Restrita

Fameta completa 10 anos de criação nesta segunda-feira

16/04/2018
Notícias
Institucional

Em 2008, apostando na credibilidade de mais de 30 anos de ensino do Colégio Meta, o Athenas Grupo Educacional investiu no ensino superior, com a inauguração da Faculdade Meta (Fameta). A instituição oferece, atualmente, mais de 30 cursos de graduação e pós-graduação.

 

Na última segunda-feira (16), a Fameta completará 10 anos desde a sua criação. Nesse período, vem investindo cada vez mais em sua estrutura, em seu corpo docente altamente qualificado e em sua expansão. Sempre procurando atender da melhor maneira seus acadêmicos e a população em geral.

 

Afinal, a Fameta traz consigo, desde a sua criação, a missão de contribuir para o desenvolvimento da sociedade por meio da educação. Ou seja, formando profissionais, de diferentes áreas do conhecimento, de maneira humanizada. Para que estes estejam comprometidos com o desenvolvimento, com a saúde e bem-estar da população local.

 

Esperamos que, nos próximos 10 anos, a instituição expanda ainda mais, sempre contribuindo com o desenvolvimento de Rio Branco e do Acre. Parabéns a Fameta, pelos 10 anos transformando pela educação!

Veja Também

04/11/2011
Institucional

iniciado-o-periodo-de-matriculas-dos-cursos-tecnicos-do-athenas-educacional

O Athenas Educacional iniciou nesta semana a campanha de captação de matrículas para os cursos técnicos de suas unidades.     As unidades que irão disponibilizar vagas para os cursos técnicos serão Faculdade de Pimenta Bueno (FAP), Faculdade São Paulo (FSP) e Faculdade Panamericana de Ji-Paraná (Unijipa).   Ao todo serão quatro cursos ofertados, sendo Segurança do Trabalho e Técnico em Edificações na Unijipa, em Ji-Paraná; Técnicas em Enfermagem e Agrimensura na FAP , em Pimenta Bueno; e Técnica em Enfermagem, Segurança do Trabalho e Agrimensura na Faculdade São Paulo, em Rolim de Moura.   Segundo Aécio Alves Pereira, diretor-geral do Athenas Grupo Educacional,...

09/03/2012
Institucional

governo-recua-em-projeto-que-estabelece-igualdade-salarial

  O governo recuou da ideia de sancionar o projeto de lei que pune as empresas que pagarem salário menor para as mulheres contratadas para a mesma atividade realizada por empregados homens.   Na quarta-feira, o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), e a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) anunciaram a decisão de aprovar a proposta no plenário nesta quinta-feira, deixando tudo pronto para a presidente Dilma Rousseff sancioná-la na próxima terça-feira, no Senado, numa solenidade alusiva ao Dia Internacional da Mulher, comemorado hoje, dia 8 de março.   O clima era outro nesta quinta-feira e, em vez de incluir a proposta na pauta de votações, Jucá assinou um...

Comentários

CAPTCHA Image
Recarregar Imagem